Associados

A admissão à Associação de Socorros Mútuos dos Empregados do Estado é solicitada através do preenchimento de um formulário (requesitado na receção, via e-mail ou através do site), cujo tratamento de dados é de caráter sigiloso. 

 

Na entrega da inscrição, será efetuado um pagamento de 10.00€ correspondente à joia e 0.50€ correspondente ao cartão de associado.

 

Quem pode ser associado?

 

1. Socios Efetivos

Funcionários públicos, das autarquias ou de institutos públicos na situação de efetivos ou aposentados. 

- Estes sócios poderão inscrever como Familiares, o cônjuge e os filhos, estes enquanto abrangidos como beneficiários da ADSE.

A Quota mensal será 4.00€

 

2. Familiares Contribuintes

Familiares que queiram adquirir os direitos de sócios efetivos, independentemente de serem ou não funcionários públicos. 

A Quota mensal será 4.00€

 

3. Sócios Familiares 

Os familiares ascendentes, colaterais até ao 1º grau e os filhos que deixaram de beneficiar da ADSE, que vivam em comunhão de mesa e habitação com o Sócio Efetivo. 

Estes sócios pagarão metade da quota em vigor para os Sócios Efetivos 2.00€